Carregando...

Ômega 3: benefícios para pele

O ômega 3 é um composto lipídico muito reconhecido por seus diversos benefícios para a saúde cardiovascular e neurológica. Mas, o que muitos não sabem, é que o uso de ômega 3 também pode influenciar a saúde da pele.  

É comum associar que produtos para a pele são aqueles que apresentam uso tópico, como cremes, pomadas e séruns. Porém, a pele é um órgão que também precisa ser nutrido de dentro para fora e os nutrientes da dieta possuem total atuação na saúde e qualidade desse tecido.

Saiba tudo sobre o ômega 3 e seus benefícios para a pele aqui.

O que é ômega 3?

Composto pelo ácido eicosapentaenoico (EPA) e pelo ácido docosahexaenoico (DHA), o ômega 3 é uma gordura poli-insaturada importantíssima para o organismo, devido à suas propriedades anti inflamatórias e sua função estrutural na membrana celular.

Por conta da sua relevância à saúde, doses diárias de ômega 3 precisam ser incluídas na alimentação, visto que o corpo não é capaz de produzi-lo. Esse aporte pode vir através da alimentação (oleaginosas, óleos vegetais, sardinha, salmão, atum, bacalhau) ou por meio da suplementação de Ômega-3.

Benefícios do ômega 3 na pele

A relação entre ômega 3 e saúde da pele tem sido amplamente explorada pelos pesquisadores, a fim de alcançar mais possibilidades de tratamento e cuidados. Abaixo, estão alguns dos achados sobre o ômega 3 e seus benefícios para a pele

Atuação em doenças de pele

Saber se o ômega 3 melhora a pele em condições adversas de saúde, é uma informação extremamente importante para o avanço da dermatologia. Poder agregar um composto seguro e eficaz no tratamento de doenças de pele pode trazer diversos benefícios à terapia.

É isso o que vem sendo estudado em pesquisas como a revisão realizada em 2020. Nela, foram relatados diversos benefícios da suplementação de ômega 3 para a pele no tratamento de doenças como psoríase, dermatite atópica, acne e úlceras cutâneas. 

Além disso, a pesquisa ainda apresentou a redução da incidência de câncer de pele e a diminuição na gravidade dos efeitos colaterais mucocutâneos associados ao uso de medicamentos, através do consumo da suplementação de ômega 3.

Dessa forma, assim como aponta o artigo de revisão sobre o uso do ômega 3 nos casos de doença de pele: a nutrição bem equilibrada e a suplementação anti-inflamatória devem ser encorajadas para indivíduos que necessitam de uma melhor gestão das doenças de pele, mas, mais importante ainda, para manter e melhorar a saúde geral da pele.

Melhora da acne

A acne, nada mais é, do que uma inflamação cutânea. Quando acomete muitas regiões do corpo, de forma crônica e de difícil tratamento, pode atrapalhar muito a qualidade de vida e causar desconforto ao paciente.

Uma pesquisa realizada em 2020 propôs que o efeito anti inflamatório característico do ômega 3 pode beneficiar fortemente pacientes que desejam melhorar as condições inflamatórias da pele através da dieta, como é o caso da pele acneica.

De acordo com os pesquisadores, áreas de particular interesse clínico onde a suplementação pode ser valiosa incluem a fotoproteção UV, bem como tratamento para acne, para reduzir a contagem de lesões inflamatórias e a gravidade dos efeitos colaterais associados ao uso de medicamentos utópicos.

Essa mesma afirmação foi sustentada por outra pesquisa de revisão, a qual concluiu que a atividade antiinflamatória do ômega 3 traz benefícios para a pele no combate à acne.

Contribuições estéticas: hidratação, elasticidade e ação antioxidante

O ômega-3 ainda desempenha um papel crucial na integridade e vitalidade da pele, atuando na hidratação, elasticidade e flexibilidade.

Seu baixo consumo pode afetar a composição da pele, causando aumento da perda de água e deficiência na sua função de barreira protetora, podendo aumentar a atividade pró inflamatória - assim como afirma o estudo.

O artigo ainda elenca que os ativos tópicos mais importantes para a saúde da pele são os óleos vegetais constituídos por altas concentrações de ômega-3, ômega-6 e ômega-9, pois ativam a reparação da barreira cutânea corporal e facial.

O uso do ômega 3 para a pele ainda exerce funções importantes nas respostas inflamatórias, com evidências na modulação da cicatrização cutânea. Portanto, além de acelerar a cicatrização, o ômega-3 pode melhorar a função de barreira cutânea, funcionar como um antioxidante para a pele e inibir a formação de melasma induzidas por UV e atenuar o aspecto de pele seca

Aproveite e veja também

Ômega 3 no combate ao envelhecimento da pele

A pele é o maior órgão e a maior barreira protetora do corpo humano, por isso também é quem mais sofre as consequências e desgastes da exposição diária a diversos tipos de agentes deletérios, como o sol, a poluição, toxinas, entre outros.

Formada por duas camadas: a epiderme (camada mais externa) e a derme (camada mais interna), que reside acima do tecido adiposo subcutâneo, toda essa estrutura da pele precisa ser nutrida e cuidada, para que sua saúde e aparencia jovial mantenham-se em dia.

No entanto, o natural passar dos anos e o possível contato com agentes tóxicos - como cigarro, poluição, exposição solar sem proteção, má alimentação e desidratação - podem afetar a integridade estrutural da derme e provocar o envelhecimento da pele.

Esse processo de envelhecimento pode ser retardado por cuidados indispensáveis com a pele, como é o caso do consumo de antioxidantes na dieta. Assim como sugere o estudo, o ômega 3 ajuda na pele por meio do seu importante papel na defesa contra oxidação e, portanto, na manutenção da saúde e combate ao envelhecimento cutâneo.

Cuidar da pele envolve muitos aspectos e, quem diria que o consumo de ômega 3 pode também fazer parte desses cuidados? Ao incorporar fontes de ômega 3 no dia a dia, você está investindo não apenas na beleza da sua pele, mas também na sua saúde como um todo!

  • lipogênese: formação de gordura que será armazenada no fígado e no tecido adiposo;
  • lipólise: quebra da gordura;
  • β-oxidação lipídica: queima de gordura.

Referências

Conteúdo escrito por Joana Mazzochi, formada em Administração Empresarial pela UDESC e em Nutrição pela UNIVALI (CRN-10/10934). Além de produzir conteúdo sobre nutrição e saúde, atende pacientes que desejam melhorar a relação com a alimentação.

 

Conteúdo revisado por Rafaela Fürst Galvão, nutricionista graduada pela Unisul (CRN-10: 11807) e publicitária graduada pela ESPM-SUL. Desenvolve projetos de comunicação e produção de conteúdo para a área da saúde desde 2016.

Você ganhou um super presente!

Olá, tudo bem? Seja bem-vindo(a) ao nosso oceano de superalimentos.

Você recebeu o convite de um amigo(a) para nutrir o seu corpo com os melhores ativos dos oceanos e da Terra.

Por isso, você ganhou R$50,00 de desconto no seu primeiro pedido.

Basta escolher os seus produtos e ver o seu desconto na etapa de pagamento. Qualquer dúvida fale com a nossa equipe através do chat.