Carregando...

Ferro quelato: para que serve e como consumir

O ferro quelato é uma forma altamente eficaz de suplementação de ferro que tem ganhado destaque devido à sua eficácia e tolerabilidade pelo organismo. Neste artigo, exploraremos em detalhes o papel fundamental do ferro quelato para a saúde, discutindo seus diversos benefícios e as melhores práticas para seu consumo. Desde sua importância para a saúde feminina até sua relevância em diferentes grupos populacionais, como gestantes e atletas, vamos examinar como o ferro quelato pode ser uma ferramenta vital para promover o bem-estar e a vitalidade.

Também forneceremos orientações claras sobre como consumir o ferro quelato de maneira adequada, incluindo dosagem recomendada, horários de administração e dicas para otimizar sua absorção. Ao final deste texto, você terá uma compreensão abrangente sobre o ferro quelato e como ele pode ser incorporado de forma eficaz em sua rotina de saúde e nutrição.

O que é ferro quelato?

O ferro quelato, especialmente na forma de ferro quelato bisglicinato, é amplamente reconhecido por sua eficácia em melhorar os níveis de hemoglobina e auxiliar na formação das células vermelhas do sangue. E qual a diferença do ferro quelado para o ferro normal? Sua composição única, que combina o íon ferroso com o aminoácido glicina, garante uma absorção mais eficiente e uma menor probabilidade de causar desconfortos gastrointestinais, tornando-o uma escolha ideal para quem busca suplementar o ferro.

Para o que serve o ferro quelato?

O ferro quelato serve para complementar a ingestão de ferro na dieta e garantir suas diversas funções essenciais para o funcionamento adequado do organismo. Ele desempenha papeis cruciais, sendo um componente indispensável na síntese de hemoglobina e mioglobina, moléculas responsáveis pelo transporte de oxigênio pelo corpo.

O ferro também atua como cofator em uma série de reações enzimáticas essenciais para o metabolismo energético e para manter a função celular adequada.

Durante a gravidez, a demanda por ferro aumenta significativamente devido aos diversos processos fisiológicos em andamento. Embora o corpo aumente a sua absorção durante esse período, muitas gestantes não conseguem ingerir quantidades adequadas desse mineral apenas através da dieta. Isso justifica a necessidade de suplementação de ferro durante a gravidez para garantir a saúde da mãe e do feto.

No entanto, é importante ressaltar que a suplementação de ferro durante a gestação não deve ser feita de maneira rotineira, mas sim de forma individualizada. Estudos mostram que a suplementação indiscriminada de ferro pode estar associada a possíveis riscos, incluindo o aumento das taxas de diabetes mellitus gestacional e pré-eclâmpsia. Portanto, é essencial uma abordagem cuidadosa e personalizada ao considerar a suplementação de ferro durante a gravidez.

De forma geral, a importância do ferro para a saúde feminina não pode ser subestimada, mesmo fora da gravidez, especialmente durante períodos, como a menstruação, quando as necessidades de ferro também aumentam significativamente. O ferro quelato oferece um suporte essencial durante esses momentos, auxiliando na manutenção da saúde, na imunidade e na energia.

Benefícios do ferro para a saúde

Os benefícios do ferro quelato para a saúde são vastos e variados, especialmente para diferentes grupos populacionais que podem enfrentar deficiências desse importante mineral. Vamos explorar como o ferro quelato pode ser benéfico para anêmicos, crianças, gestantes, lactantes, bariátricos, idosos, atletas e mulheres em idade fértil.

Anêmicos

O ferro é essencial para o tratamento e prevenção da anemia ferropriva, uma condição caracterizada pela falta de ferro no organismo. O ferro quelato é uma forma altamente absorvível de ferro, o que o torna especialmente eficaz no aumento dos níveis de hemoglobina e na correção da anemia.

Crianças

Durante o crescimento e desenvolvimento, as crianças têm altas demandas de ferro para suportar a formação adequada de células sanguíneas e o desenvolvimento cognitivo. O ferro quelato pode ajudar a prevenir a anemia em crianças, promovendo um crescimento saudável e melhorando a função cognitiva.

Gestantes

Como mencionado, as gestantes enfrentam um aumento significativo na demanda de ferro devido à expansão do volume sanguíneo e às necessidades do feto em desenvolvimento. A suplementação de ferro quelato durante a gravidez ajuda a prevenir a anemia materna, garantindo um suprimento adequado de oxigênio para o feto em crescimento.

Lactantes

Mulheres lactantes também precisam de quantidades extras de ferro para compensar a perda de sangue durante o parto e para garantir um suprimento adequado de ferro no leite materno. O ferro quelato pode ajudar a manter os níveis de ferro materno e promover um leite materno nutritivo para o bebê.

Bariátricos

Indivíduos que passaram por cirurgia bariátrica estão em risco aumentado de deficiência de ferro devido à redução na absorção de nutrientes. O ferro quelato é uma opção ideal para esses pacientes, pois é mais facilmente absorvido e tolerado pelo organismo, ajudando a prevenir deficiências nutricionais.

Idosos

Os idosos frequentemente enfrentam deficiências de ferro devido a uma combinação de fatores, incluindo menor ingestão dietética e problemas de absorção. A suplementação com ferro quelato pode ajudar a compensar essas deficiências, promovendo a saúde cardiovascular e energética.

Atletas

Atletas, especialmente aqueles envolvidos em esportes de resistência, podem ter maiores necessidades de ferro devido à perda de sangue pelo suor e ao aumento da demanda de oxigênio durante o exercício. O ferro quelato pode ajudar a otimizar o desempenho atlético, garantindo uma adequada entrega de oxigênio aos músculos.

Mulheres em idade fértil

A importância do ferro para mulheres em idade fértil é especialmente destacada devido ao ciclo menstrual. Durante o período menstrual, as mulheres perdem uma quantidade significativa de sangue, o que pode levar a uma diminuição dos níveis de ferro no organismo ao longo do tempo.

Em resumo, o ferro quelato oferece uma série de benefícios para a saúde, especialmente para grupos populacionais que podem estar em maior risco de deficiência de ferro. Sua alta absorção e tolerabilidade tornam-no uma escolha eficaz para garantir um suprimento adequado de ferro e promover a saúde em geral. No entanto, independente de ser grupo de risco, é totalmente recomendável consultar com um profissional de saúde antes de iniciar a suplementação.

Deficiência e indicações de suplementação com ferro

É importante entender os sinais, sintomas e causas da deficiência de ferro, bem como as situações em que a suplementação pode ser necessária para garantir uma adequada saúde e bem-estar.

A deficiência de ferro pode manifestar-se através de sintomas como fadiga, fraqueza, palidez, falta de ar, tontura e palpitações. As causas incluem uma ingestão inadequada de ferro na dieta, perdas sanguíneas excessivas (como menstruação abundante ou sangramento gastrointestinal) e dificuldades na absorção de ferro pelo organismo.

Existem várias situações em que a suplementação pode ser recomendada:

1. Deficiência comprovada de ferro

Se os exames de sangue mostrarem níveis baixos de ferritina sérica e hemoglobina, indicando uma deficiência de ferro, a suplementação pode ser necessária para corrigir esse desequilíbrio. Isso vale para todas as idades, sendo fator de risco em crianças até idosos.

2. Aumento das necessidades durante a gravidez

Durante a gestação, as necessidades de ferro aumentam significativamente devido ao crescimento do feto e à expansão do volume sanguíneo materno. A suplementação de ferro quelato pode ser recomendada por um médico ou nutricionista para prevenir a anemia e garantir um desenvolvimento saudável do bebê.

3. Períodos de rápido crescimento

Durante a infância e adolescência, quando o corpo está passando por um rápido crescimento e desenvolvimento, as necessidades de ferro também aumentam. A suplementação pode ser indicada por um pediatra para garantir um suprimento adequado de ferro para suportar esse crescimento.

4. Perdas sanguíneas excessivas

Situações como menstruação abundante em mulheres ou sangramento gastrointestinal crônico podem levar a uma perda significativa de ferro. Nesses casos, a suplementação de ferro pode ajudar a repor os níveis perdidos e prevenir a anemia.

Em resumo, o suplemento ferro quelato é uma opção eficaz para corrigir deficiências de ferro e garantir um suprimento adequado desse mineral essencial para a saúde. É importante consultar um profissional de saúde antes de iniciar a suplementação para determinar a dosagem adequada e avaliar a necessidade de ferro com base em cada situação individual.

Qual o melhor suplemento de ferro?

Ao considerar os diferentes tipos de suplementos de ferro disponíveis no mercado, o ferro bisglicinato quelato se destaca como uma opção altamente eficaz. Esse tipo de ferro quelato oferece diversas vantagens em comparação com outras formas de suplementação, incluindo uma maior absorção pelo organismo, uma melhor tolerância gastrointestinal e uma eficácia terapêutica superior. 

Sua formulação única, que combina o íon ferroso com o aminoácido glicina, proporciona uma absorção mais eficiente, resultando em uma maior quantidade de ferro disponível para utilização pelo corpo. Portanto, ao escolher um suplemento de ferro, o ferro bisglicinato quelato é uma excelente opção a ser considerada.

Como tomar o ferro quelato?

Para garantir uma suplementação eficaz com ferro quelato, é importante seguir algumas orientações:

  • consulte um profissional de saúde para determinar a dosagem adequada de ferro quelato para suas necessidades individuais;
  • consuma com o estômago vazio, preferencialmente 1 hora antes das refeições ou 2 horas após as refeições;
  • ingira o ferro quelato junto com fontes de vitamina c para aumentar sua absorção pelo organismo;
  • evite café, chá preto e alimentos ricos em cálcio, que inibem a absorção de ferro. 

Cuidados de consumo e possíveis efeitos adversos

Ao consumir ferro quelato, é importante estar ciente de possíveis efeitos colaterais, como constipação, náuseas e irritação gastrointestinal. Para minimizar esses efeitos, é recomendável começar com uma dose baixa e aumentar gradualmente a dose conforme tolerado. Além disso, certifique-se de tomar o ferro quelato com bastante água e seguir as orientações de dosagem recomendadas.

Também é importante evitar interações prejudiciais com outros nutrientes ou medicamentos. Por exemplo, o ferro pode reduzir a absorção de certos medicamentos, como antibióticos e medicamentos para tireoide, portanto, é recomendável tomar esses medicamentos em horários separados do ferro quelato.

Consulte sempre um profissional de saúde antes de iniciar a suplementação com ferro quelato para garantir sua segurança e eficácia.

Com o objetivo de oferecer informações precisas e relevantes, o conteúdo foi escrito pela equipe Ocean Drop e cuidadosamente revisado pela nutricionista Suelen Santos da Costa, CRN10 7816. Suelen é graduada pela Universidade Federal de Pelotas e possui Pós-Graduação em Nutrição Clínica Funcional pela VP Centro de Nutrição Funcional.

Aproveite e veja também

Você ganhou um super presente!

Olá, tudo bem? Seja bem-vindo(a) ao nosso oceano de superalimentos.

Você recebeu o convite de um amigo(a) para nutrir o seu corpo com os melhores ativos dos oceanos e da Terra.

Por isso, você ganhou R$50,00 de desconto no seu primeiro pedido.

Basta escolher os seus produtos e ver o seu desconto na etapa de pagamento. Qualquer dúvida fale com a nossa equipe através do chat.