Carregando...

Falta de vitamina B12: saiba como ela pode afetar sua saúde

A falta de vitamina B12 no organismo deve ser levada a sério, assim como a deficiência de ferro, por exemplo. Responsável pela formação de células sanguíneas e pela síntese de DNA, a carência de B12 pode ser facilmente identificada através de alguns sinais e sintomas, assim como pelo surgimento da anemia megaloblástica.

Há importantes consequências negativas quando falta vitamina B12 no organismo. Fadiga, problemas de memória e outros danos neurológicos são alguns sintomas dessa falta. Dito isso, descubra a seguir quais são os principais sintomas da falta de vitamina B12 e saiba como se prevenir!

O que é vitamina B12 e para que serve?

A vitamina B12, também conhecida como cobalamina, é uma vitamina solúvel em água que desempenha um papel essencial no funcionamento saudável do corpo. Ela é uma das vitaminas do complexo B e possui várias funções vitais no organismo, incluindo a produção de glóbulos vermelhos. Uma curiosidade é que a vitamina B12 é a única entre as vitaminas do complexo B que contém cobalto, um elemento químico, daí o nome "cobalamina".

 

E, afinal, para que serve a vitamina B12? As principais funções da vitamina B12 incluem:

  • produção de glóbulos vermelhos;
  • saúde do sistema nervoso;
  • produção de energia, reduzindo a sensação de fadiga;
  • síntese de DNA;
  • prevenção da anemia;
  • evita a sensação de formigamento nas extremidades;
  • proteção dos neurônios;
  • redução dos riscos de complicações na gestação.

A vitamina B12 é encontrada principalmente em alimentos de origem animal, como carne, peixe, ovos e laticínios. Portanto, vegetarianos e veganos têm maior probabilidade de desenvolver deficiência de B12, já que suas dietas geralmente não incluem fontes significativas dessa vitamina.

O que pode causar a falta de vitamina B12?

A falta de vitamina B12 pode ser causada por diversos fatores, como dieta baixa em B12, incluindo dietas veganas e vegetarianas restritas que carecem das principais fontes animais do nutriente, problemas gastrointestinais, como doença celíaca, doença de Crohn ou gastrectomia, além do avanço da idade que dificulta a absorção da B12 pelo sistema digestivo. 

Ainda, a interferência de medicamentos, como anticonvulsivantes, metformina e omeprazol e doenças hereditárias raras, como a síndrome de Imerslund-Gräsbeck, podem impactar a absorção da vitamina B12, ocasionando sua falta no organismo.

Quais os sintomas da falta de vitamina B12?

A anemia resultante da deficiência de vitamina B12 se desenvolve gradualmente, permitindo que o corpo se adapte em certa medida. Isso pode resultar em sintomas leves, mesmo em casos de anemia grave. Os sintomas da anemia por falta de B12 incluem palidez, fraqueza e fadiga. Em casos mais graves, podem surgir falta de ar, tontura e aumento da frequência cardíaca.

Nos casos em que há lesões nos nervos, as pernas são afetadas mais precocemente e com maior frequência do que os braços. Isso se manifesta como formigamento nos pés e mãos, perda de sensação nas extremidades e fraqueza muscular. A coordenação é prejudicada, com redução da percepção da posição dos braços e pernas e da sensibilidade às vibrações. Reflexos podem estar ausentes e a locomoção pode se tornar difícil.

Algumas pessoas também podem experimentar confusão, irritabilidade e leve depressão. A deficiência avançada de vitamina B12 pode levar a delírios, paranoia e comprometimento da função mental, incluindo demência.

Resumidamente, os sintomas da vitamina B12 podem aparecer de diversas formas, incluindo:

  • cansaço;
  • fraqueza;
  • tontura;
  • pele pálida;
  • problemas de memória e concentração;
  • formigamento ou dormência nas mãos e pés;
  • dificuldade em caminhar;
  • alterações do paladar e da visão;
  • falta de apetite;
  • danos ao sistema nervoso.

Quais as consequências da vitamina B12 baixa?

As consequências da falta de vitamina B12 podem acarretar em problemas mais sérios, se não houver a reposição da vitamina. Entre os mais comuns estão:

  • anemia perniciosa: uma forma de anemia causada por uma deficiência grave de vitamina B12. Pode causar cansaço, fraqueza e problemas de memória;
  • dano nervoso: uma das questões mais graves que a falta da vitamina B12 pode causar está no sistema nervoso, em que pode provocar danos irreversíveis como formigamento, dormência, perda de reflexos e dificuldade em andar;
  • problemas neuropsiquiátricos: outro ponto grave é que a falta de vitamina B12 pode contribuir para o desenvolvimento de depressão, confusão mental e problemas de memória;
  • doenças cardiovasculares: um estudo conduzido por Paniz, sugere que a diminuição de vitamina B12 no corpo pode estar associada a um aumento do risco de doenças cardiovasculares.

Essas doenças causadas pelo baixo nível de vitamina B12 surgem quando os estoques dessa vitamina já estão baixos a bastante tempo. Assim, quando os primeiros sintomas surgirem, é recomendado consultar um médico para verificar a causa e indicar a reposição.

Qual a quantidade ideal de vitamina B12 no organismo?

A dosagem ideal de vitamina B12, na mensuração no exame de sangue, é de acima de 200 pg/ml. No entanto, a Nutricionista Amanda Stedile, graduada pela Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI), relata que não se deve levar em consideração apenas os valores de referências dos exames. Sendo assim, a vitamina B12 deve estar acima de 400 pg/ml. Níveis menores que esse já consideram baixa a vitamina B12.

Hábitos que ajudam a manter bons níveis de vitamina B12

Para manter a absorção da quantidade ideal de vitamina B12, é preciso comer mais do nutriente. A recomendação é que um adulto deve ingerir em torno de 2,4 microgramas (mcg) de vitamina B12. Por exemplo, 1 ovo cozido contém, em média, 1 mcg de vitamina B12. No entanto, ao descobrir sua deficiência, isso não basta. Além disso, consumir isso ainda pode ocasionar a deficiência de B12 se a absorção pelo intestino estiver comprometida. Fatores, como tabaco e álcool, também podem interferir.

A forma mais eficiente e prática de prover essa vitamina é através do suplemento de vitamina B12 em cápsulas, gotas ou comprimidos. A reposição de casos graves de deficiência de B12 também pode ser feita por meio de injeção intramuscular. Esse procedimento também é mais indicado para pessoas que possuem problemas de absorção dessa vitamina já estabelecidos.

Hábitos que ajudam a manter bons níveis de vitamina B12

Alimentos com vitamina B12 incluem, principalmente, os de origem animal, como ovos, fígado bovino e de frango, atum, sardinha (em óleo), salmão, linguado, iogurte e leite. É de extrema importância adotar uma alimentação diversificada e saudável para prevenir complicações e sintomas decorrentes da deficiência nutricional. Mesmo ao consumir os alimentos mencionados anteriormente, é possível enfrentar problemas de má absorção.

Aproveite e veja também

Como diagnosticar a falta de vitamina B12?

O diagnóstico da falta de vitamina B12, feito pelo médico ou nutricionista, geralmente envolve uma combinação dos resultados de exame clínico, exame físico, histórico médico e exames de sangue. Os exames que detectam a falta de vitamina B12 organismo são: teste de vitamina B12 sérica, teste de homocisteína e teste de folato sérico.

A homocisteína e o folato sérico são avaliados também porque os níveis baixos de B12 no organismo podem causar um aumento significativo desses dois parâmetros. Então, eles servem como um reforço no diagnóstico da falta de vitamina B12 no organismo. Se os resultados dos exames sugerirem uma falta de vitamina B12, o médico pode solicitar exames adicionais para descartar outras condições de saúde.

Como repor a vitamina B12?

Não existe uma única forma para a reposição de vitamina B12. A administração por via parenteral é particularmente recomendada para pacientes que apresentam dificuldades na absorção gastrointestinal, em situações como anemia perniciosa, histórico de cirurgia bariátrica, gastrectomia prévia, doença de Crohn e doença celíaca. Além disso, pode ser interessante para idosos. 

Estudos indicam que a administração oral é igualmente eficaz para corrigir anemia em pacientes que aderem bem ao tratamento, apesar de ter um custo mais elevado. Pode ser empregada em pacientes assintomáticos com deficiência leve a moderada.

Quando é necessário fazer a suplementação de vitamina B12?

Para repor a vitamina B12, é fundamental considerar diversas abordagens. Geralmente, a suplementação é recomendada para aqueles que têm dificuldade em obter a quantidade adequada através da dieta, especialmente os vegetarianos e veganos, dada a predominância de fontes animais desse nutriente. Em casos de problemas de absorção, como na doença de Crohn ou anemia perniciosa, o acompanhamento médico é essencial para definir a estratégia de suplementação mais adequada. Um profissional de saúde, juntamente com um nutricionista, pode oferecer orientações personalizadas, determinando a dosagem correta e o método de reposição mais adequado às necessidades individuais.

Você ganhou um super presente!

Olá, tudo bem? Seja bem-vindo(a) ao nosso oceano de superalimentos.

Você recebeu o convite de um amigo(a) para nutrir o seu corpo com os melhores ativos dos oceanos e da Terra.

Por isso, você ganhou R$50,00 de desconto no seu primeiro pedido.

Basta escolher os seus produtos e ver o seu desconto na etapa de pagamento. Qualquer dúvida fale com a nossa equipe através do chat.