Carregando...
10%
OFF

BETA-GLUCANA DE ALGAS

R$179,00 R$161,10
60 Cápsula de 400mg
Produto
para 2 meses
QUANTIDADE
- +
Menos de R$2,69/dia.
COMPRE COM SEGURANÇA

BETA-GLUCANA DE ALGAS

R$179,00 R$161,10
Menos de R$2,69/dia.
Modo de uso Consumir 1 ao dia

PROTEJA O FUNCIONAMENTO DO SEU SISTEMA IMUNE

A Beta-Glucana de Algas é extraída da alga Euglena gracilis, um organismo que possui diversos estudos sobre seus efeitos na saúde humana. É composta por 200 mg de ativo puro, 20% de proteína, vitaminas, minerais e aminoácidos essenciais.

PARA UMA VIDA MAIS PROTEGIDA SAUDÁVEL E EQUILIBRADA

Porção de 1 cápsula(400 mg)
Quantidade por porção % VD
Beta-Glucana 200 mg **

SOU PRÁTICO

Ingerir de 1 a 2 cápsulas ao dia ou conforme orientação de profissional habilitado. Sendo consumidas antes da sua principal refeição.

Restrições alimentares

SEM INTERAÇÃO COM MEDICAMENTOS

Nossos produtos são alimentos de qualidade nutricional avançada e não possuem nenhuma relação/interação com fármacos ou formulações com princípio ativo.

A BETA-GLUCANA DE ALGAS NÃO É RECOMENDADO PARA ALÉRGICOS A FRUTOS DO MAR

Assim como outros alimentos de origem ligadas ao mar, como peixes e crustáceos, as microalgas podem causar reações alérgicas.

Estudos
Científicos







Entenda como oferecemos o melhor para você

.01

Um estudo que investigou o efeito da suplementação com um fermentado de Euglena gracilis na função imunológica, encontrou evidências de que a Beta-glucana pode reduzir e prevenir os sintomas de infecção do trato respiratório superior, fornecendo suporte imunológico e protegendo a saúde geral.

.02

Segundo estudo, a Beta-glucana extraída da alga Euglena gracilis é uma excelente fonte de proteína dietética, pró-vitaminas, lipídios e o β-1,3-glucano paramylon, encontrado apenas em euglenoides. Ainda, foi relatado no estudo que o paramylon já é comercializado como agente imunoestimulador em nutracêuticos.

Estudos
científicos

Referências

01

Effect of a Euglena gracilis Fermentate on Immune Function in Healthy, Active Adults: A Randomized, Double-Blind, Placebo-Controlled Trial

veja mais
02

Bioproducts From Euglena gracilis: Synthesis and Applications

veja mais
Vitamina E e ômega 3

Vitamina E e ômega 3

É bastante propício e benéfico para um melhor aproveitamento dos benefícios do ômega 3, combinar o consumo com suplementos de vitamina E, uma verdadeira aliada dos ácidos graxos. Isso acontece porque as gorduras oxidam com muita facilidade dentro do organismo, fazendo com que suas propriedades possam ser perdidas rapidamente. A vitamina E, por sua vez, por ser lipossolúvel e um potente antioxidante, ajuda a garantir maior biodisponibilidade aos ácidos graxos, potencializando os efeitos benéficos dos nutrientes para a saúde.

Fontes de ômega 3 EPA e DHA

Os alimentos mais conhecidos por conter EPA e DHA são os peixes, como salmão, sardinha e atum. Eles alimentam-se das fontes primárias de ômega 3 e, por isso, passam a apresentar também em seus tecidos. O que muita gente não sabe é que é possível consumir diretamente as fontes primárias através do extrato da microalga, Schizochytrium sp, com o Ômega 3 de Algas EPA + DHA da Ocean Drop.

Fontes de ômega 3 EPA e DHA
Quanto consumir de ômega 3 EPA e DHA

Quanto consumir de ômega 3 EPA e DHA

Vale ressaltar que não há uma recomendação exata de quanto devemos ingerir de EPA e DHA. Porém, o National Institutes of Health recomenda o consumo de 1,6 g de ômega 3 para homens e de 1,1 g para mulheres, acima de 19 anos. No entanto, é importante ressaltar que esses valores podem variar. O indicado é consultar com um profissional de saúde especializado para realizar a análise das necessidades individuais.

Cuidados para um consumo saudável

Por ser proveniente de algas, o ômega 3 EPA e DHA da Ocean Drop é contraindicado para pessoas alérgicas a esses seres. Nesse caso, pode-se optar por outras fontes, como as sementes e as leguminosas. As fontes vegetais possuem apenas ALA, que é convertido em EPA e DHA, após ser absorvido no organismo. Estima-se que a taxa de conversão de ALA para EPA no fígado seja cerca de 21% nas mulheres e entre 0,3% e 8% nos homens. Quanto ao DHA, a conversão fica entre 1% e 9%. Nesse sentido, é importante levar em conta a conversão, pois para obter-se os benefícios dos ácidos graxos essenciais, o consumo de sementes e leguminosas deve ser realizado em quantidades maiores e adequadas. O ômega 3 não é indicado para pessoas com problemas de coagulação, pois, como pode deixar o sangue mais fluído, há risco de causar hemorragia em casos extremos. Para gestantes, o principal cuidado deve ser quanto à dosagem. Por isso, esse grupo só deve consumir uma quantidade recomendada pelo médico ou nutricionista. Quanto às fontes animais de ômega 3, como os óleos de peixes, outros cuidados que devem ser tomados são em relação à quantidade de mercúrio presente. O mercúrio é um metal pesado encontrado em meio aos nutrientes - e pode trazer sérios problemas para a saúde, causando intoxicação e danos para o cérebro, rins, entre outros órgãos. Os principais sintomas relacionados a esse problema são dores de cabeça, fraqueza, insônia e atrofia muscular. Vale ressaltar que até mesmo plantas e animais de pequeno porte podem estar contaminados por mercúrio. A forma mais segura de ingerir, portanto, é optar por alimentos ou suplementos isentos de contaminantes e que contenham as quantidades recomendadas.

Cuidados para um consumo saudável
Como escolher o melhor suplemento de ômega 3?

Como escolher o melhor suplemento de ômega 3?

Ao escolher um suplemento de ômega 3 EPA e DHA é importante observar alguns pontos:

  • confira o rótulo do produto e compre somente aqueles que contenham as quantidades de EPA e DHA determinadas e descritas - e não apenas a quantidade total de ômega 3;
  • caso o seu objetivo seja melhorar a função cerebral, procure um suplemento com maior quantidade de DHA;
  • se você deseja benefícios anti-inflamatórios, a melhor opção é o suplemento com maior quantidade de EPA;
  • pesquise e informe-se sobre a empresa, pois é importante que ela tenha cuidado com o grau de contaminação por metais pesados.

Experimente o Ômega 3 de Algas EPA e DHA - 100 % vegetal

As microalgas destacam-se, pois fornecem grandes quantidades de ômega 3 na forma ativa de EPA e DHA. Inclusive, os peixes são ricos em ômega 3, pois consomem esses vegetais. Além de ser uma fonte vegana de qualidade, diferentemente dos óleos de peixes, o ômega 3 de microalgas é produzido de forma sustentável. Sendo produzidas em cultivos isolados, evitam a exploração, garantem o controle e a segurança alimentar e, ainda, tornam-se livres de contaminantes que estão presentes em nossos oceanos. No entanto, uma melhor alternativa para o consumo é o óleo de microalgas, que possui o ômega 3 puro e já isolado (EPA e DHA), pronto para o consumo humano e com uma absorção mais rápida pelo organismo. A ótima concentração, absorção e sustentabilidade, fazem com que o óleo de microalgas seja - sem dúvidas - a melhor alternativa 100% vegetal, capaz de suprir o consumo de ômega 3, em especial para os veganos.

Experimente o Ômega 3 de Algas EPA e DHA - 100 % vegetal

Formulário de Avaliação

Nosso usuários não cansam de encher nossos corações de alegrias e não querem guardar isso pra sí mas gritar aos quatros cantos. É muito amor